13932768_1219332491445463_5217886478039142832_n

ღ "Você é aquele bem precioso que encontrei..."

É que você me faz sorrir do nada quando estou sozinha, e às vezes em público, e todos pensam que eu estou louca, mas na verdade é que estou transbordando toda a minha paixão por você.

Você está mexendo com tudo aqui dentro. Tá mexendo com o meu sono, tá mexendo com o meu estômago, tá ocupando minha mente até na hora de trabalhar. Tento fazer você passear e sair um pouco do meu pensamento, mas está quase impossível fazer você sair daqui de dentro.

Se não der certo daqui uns anos, tudo bem. Mas vamos tentando enquanto tudo o que mais queremos é um ao outro.


Teus braços tem um aconchego perfeito, seus olhos tem um brilho que não tem como não notar, sua boca é praticamente impossível não desejar, e o seu cheiro é tentador. O seu rosto é exatamente do jeito que eu desenharia se eu tivesse o poder de escolher como seria o meu amor.


É que não importa se faz um mês, uma semana ou 5 minutos que eu tenha te visto, cada vez que você aparecer pra mim, meu estômago irá se encher de borboletas como se fosse a primeira vez que tivesse te vendo em minha frente. É que você é aquele que a cada vez que chega a hora de ir embora, eu oro baixinho para que Deus permita você voltar no dia seguinte.


Você é aquele que faz eu me sentir a pessoa mais sortuda do mundo, por ter sido escolhida para segurar na sua mão e por poder acordar e vê que passei a noite inteira dentro do seu abraço.

Você é aquela voz confortante no final do dia, aquele sorriso lindo que ilumina o nosso quarto escuro. Aquela palavra amiga quando o dia teve algum caos.
Aquele olhar que tem o poder de me fazer sentir única. Aquele que me faz sentir vontade de retribuir na mesma intensidade todo o bem que me faz.

Você é aquele bem precioso que encontrei depois de quase ter desistido de achar que um dia chegaria. Você é aquela pessoa que fez tudo diferente, depois de viver tantos Djavu’s. E o principal, você é aquele amor tranquilo que eu estava precisando para sair da montanha-russa em que vivia, aonde a paz não reinava e era temporária. ♡

Déborah Ferreira

Menina de 21 anos, que odeia drama, exceto as suas. Um dia um poço de meiguice e fofura e em outros fria e calada. Que fez do caderno e da caneta seus melhores amigos, e do livro o seu companheiro até o fim. Aprendeu a transformar suas experiencias em textos, por não conseguir muito desabafar com pessoas. Sempre imaginei que o paraíso fosse uma espécie de livraria! Quem gosta de leitura, nunca se sente sozinho. ♥

LEIA TAMBÉM: